Porquê doar

Porquê doar?

Um dos maiores motivos que levam um homem a tornar-se dador é o desejo de ajudar outros a serem pais.

O que diz a lei sobre a doação de esperma?

A Lei Portuguesa determina que a doação de esperma seja um processo voluntário, de carácter benévolo, em que os dadores são ressarcidos pelas despesas efetuadas ou prejuízos direta e imediatamente resultantes das suas dádivas num valor máximo de 44€ por cada dádiva, nos termos fixados pelo Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, de acordo com o previsto no nº3 do Artigo 22 da Lei 12/2009, de 26 de Março.

Ao longo da vida, é aconselhável que cada dador masculino não possa estar na origem de partos de nado-vivo em mais do que 8 famílias.

Tem dúvidas?

Se tiver dúvidas ou quiser conhecer melhor o processo, entre em contacto connosco.
Teremos todo o gosto em falar consigo.
close

Formulário de contacto

Envie-nos a sua mensagem e esclareça todas as dúvidas.

Local CoimbraPorto
Melhor hora de contacto 8:30 - 10:0010:00 - 11:3011:30 - 13:0013:00 - 14:0014:00 - 16:0016:00 - 18:00

A informação que vai enviar será guardada e processada através de email apenas com o propósito da recolha de dados. Os dados que irá submeter vão ser utilizados por outros departamentos da Ferticentro e da Procriar. A Ferticentro e a Procriar irão tratar a sua informação pessoal com toda a confidencialidade e segurança, de acordo com o estabelecido nos regulamentos de proteção de dados. Poderá retirar o seu consentimento de utilização de dados, solicitar a sua correção ou pedir a sua eliminação em qualquer altura. Para tal, deverá entrar em contato connosco através do email da Ferticentro - protecaodados@ferticentro.pt ou da Procriar - protecaodados@procriar.pt.